Picos(PI), 23 de Julho de 2018
Cidades
Sussuapara: 79 famílias assinam contrato para construção de casas pelo PNHR
Os recursos para a construção dos módulos habitacionais são oriundos do Ministério das Cidades. Cada módulo custará R$ 34.200,00
Em 21/06/2018 por João Paulo
Tamanho da fonte - +

Famílias beneficiadas pelo PNHR lotaram auditório da Prefeitura (Foto: João Paulo)

Por João Paulo Leal – Da Redação

Com o objetivo de reduzir o grande déficit habitacional, o Programa Nacional de Habitação Rural, que é integrante do Programa Minha Casa, Minha Vida, do Governo Federal, vai construir 79 casas em áreas rurais do município de Sussuapara. As famílias beneficiadas estiveram na manhã de hoje, dia 21, no auditório da Prefeitura para a assinatura dos contratos que vão garantir a execução do projeto, custeado através de repasse de recursos previstos no Orçamento Geral da União.

Na manhã de hoje os representantes da Caixa Econômica Federal, agente financeiro repassador dos recursos, estiveram em Sussuapara para a assinatura dos contratos com as famílias beneficiadas. Também estavam presentes o prefeito Edvardo Rocha, o vice-prefeito Naerton Moura, o presidente da Câmara, Francisco das Chagas Moura, os vereadores Baldoíno, Ceará e Badim e ainda representantes de entidades de classe.

Para o prefeito Edvardo Rocha, o Pé Trocado (PP), além de ser um marco histórico em Sussuapara, também é motivo de orgulho o momento das assinaturas, ao constatar a felicidade estampada no rosto das famílias beneficiadas, que em breve vão ter moradia própria. Os recursos para a construção dos módulos habitacionais são oriundos do Ministério das Cidades. Cada módulo custará R$ 34.200,00, ficando ao beneficiário a contrapartida de apenas 4%.

Facebook
Enquete

picos40graus.com.br - 2015 - 2018 - © - Todos os direitos reservados.
Av. Getúlio Vargas, 484 - Apto 202 - 2º Andar
Centro - Picos - Piauí - CEP: 64.600-002
Email: contato@picos40graus.com.br

Somente os artigos não assinados são de responsabilidade do Picos 40 Graus.
Os demais, não representam necessariamente a opinião desta editoria
e são de inteira responsabilidade de seus autores.