Picos(PI), 22 de Fevereiro de 2024

Matéria / Cidades

Educação de Santa Cruz do Piauí realiza Jornada Pedagógica

07/02/2024 - Jesika Mayara

Imprimir matéria
P40G-IMG-40037a49c1984c78e6.jpg (Foto: Cidades na Net)
P40G-IMG-40037a49c1984c78e6.jpg (Foto: Cidades na Net)

“Planejar para alfabetizar na idade certa, recompor e impulsionar aprendizagens com inclusão social, consciência ambiental e equidade.”

Esse é o tema central da Jornada Pedagógica 2024 do município de Santa Cruz do Piauí, momento formativo que teve início nesta terça-feira, 06 de fevereiro, no auditório do Polo da UAB, em preparação para o início do ano letivo.

Dentre os objetivos estão consolidar o planejamento para o ano letivo de 2024, estabelecer ações, metas e estratégias em busca de novos avanços na melhoria dos processos de ensino e de aprendizagem dos estudantes.

Dentre as estratégias está a implementação de práticas educacionais que abordem não apenas à alfabetização, mas, também, a inclusão social, consciência ambiental e equidade.


“Vamos construir um olhar diferente, de dentro para fora, acreditando que as mudanças acontecem tanto no processo educativo, quanto no profissional. Podemos com garra, determinação e sabedoria, recriar, sabendo lidar com o novo, transformando conhecimentos em aprendizado motivação.”, disse a secretária de Educação, Marinalva Gonçalves.

Nesse sentido, a primeira palestra da Jornada foi ministrada pelo psicólogo e psicopedagogo e mestre em ciências da educação, Paulo Roberto, com o tema “Abrir-se ao novo, permitindo que a evolução aconteça”. De forma dinâmica, o palestrante provocou reflexões aos professores.


Em seguida, Shearley Lima – mestra em saúde coletiva, e o Rogério Leal – mestre em educação inclusiva, explanaram sobre a temática “Motivação e desenvolvimento profissional.”

Ainda pela manhã, os professores Fagundes Ítalo e Isabel Maria apresentaram os resultados da Educação Municipal no ano de 2023.

No evento, a Secretaria Municipal de Educação homenageou os professores do segundo ano, em reconhecimento pelo trabalho realizado em 2023, que colocou o município de Santa Cruz em quinto lugar no Piauí no SAEPI, que avalia a qualidade do ensino e o desempenho escolar dos alunos nas disciplinas de Língua Portuguesa e Matemática.

Como incentivo, além da placa “Professor Destaque SAEPI 2023”, a secretária anunciou que os professores receberão uma bonificação financeira.


Temáticas

A Jornada Pedagógica segue até esta quarta-feira, 07 de fevereiro, com uma programação que envolve um ciclo de palestras abordado temáticas diversas, além de mesa redonda e apresentação cultural.

Em entrevista, Marinalva Gonçalves salientou que a Secretaria de Educação procurou abordar temáticas com foco nas necessidades dos alunos, com foco na equidade, a inclusão social e a consciência ambiental.

“A gente trouxe palestrantes que vão abordar temáticas diversas com os nossos professores. Nós teremos a secretária do Meio Ambiente que vem falar um pouco da importância de estar formando a consciência ambiental nos nossos alunos; a professora Ana Joana, que vem falar da questão da inclusão do negro na sociedade. A professora Maria Leli vem falando sobre a inclusão da pessoa com deficiência. Então, teremos de tudo um pouco. A gente tentou trazer o melhor para a nossa Jornada.”, disse.

A última atividade da Jornada Pedagógica será uma mesa redonda com o tema “Escola em Tempo Integral”, que contará com a participação de Marinalva, secretária de Educação; Alessandra Cortez Martins, supervisora de Ensino do Ensino Fundamental II e EJA e Articuladora do Programa Família na Escola; Francineide Carvalho de Sousa, Articuladora Municipal de Gestão – RENALFA e Supervisora de Ensino da Educação Infantil e Ensino Fundamental I; e de Solange Neiva Rufino, técnica Pedagógica da SEME e Articuladora do Selo UNICEF no município.

Volta às aulas

Cerca de 1.300 alunos e professores voltam às salas de aula no próximo dia 15 de fevereiro nas cinco escolas da Rede Municipal de Ensino, situada todas na sede do município.

A secretária acrescentou que as unidades escolas estão passando por reformas para melhor acolher a comunidade escolar, desde alunos, professores e demais trabalhadores da Educação.  

 

Cidades na Net

Facebook